FECHAMENTO DUPLO

Informação Técnica

ROLOS 2ª OPERAÇÃO DE FECHAMENTO

INTRODUÇÃO

Rulina: É a parte da costureira que realiza a operação de deformação do metal, para configurar os ganchos da tampa e do corpo e a ligação entre eles, resultando no fechamento. Existem dois tipos, a primeira operação, que forma os ganchos e os une, e a segunda operação, que os esmaga juntos. Também conhecido por outros nomes, tais como: carrinhos, rodas de bloqueio, rolos de bloqueio, rolos de bloqueio

Rulina 2ª operação: Como já dissemos, é a que esmaga os ganchos do corpo e a tampa do fecho. A sua função é menos importante do que a da 1ª operação, e a sua própria definição admite certas margens quando se trata de conseguir um bom fecho.

Existem muitos tipos no mercado e o seu design pode variar entre eles, embora esteja sempre ligado ao tipo de fecho que se pretende fazer e às características dos materiais utilizados na fabricação do recipiente.

Anuncios

Sua área crítica da bobina é a garganta, que atua sobre os ganchos incipientes da tampa e do corpo, iniciada pela 1ª operação da bobina. Esta área é chamada de perfil de rolo e normalmente tem um contorno curvo, consistindo em vários arcos de diferentes raios.

Este trabalho destina-se apenas a dar algumas orientações sobre o dimensionamento do perfil dos cilindros da 2ª operação, dependendo do tipo de vedação utilizada. Outras considerações, como o material a ser utilizado na sua construção, características mecânicas, ajuste do mesmo na máquina de costura, etc. são tratadas em outros trabalhos publicados neste site.

DESENHO DO PERFIL DE UM ROLO 2ª OPERAÇÃO

A parte superior deste perfil começa com um plano ligeiramente inclinado, aproximadamente 2º de inclinação, seguido por um arco de pequeno raio que se liga a outro de maior raio, que termina num calcanhar inferior de duplo raio. O número de raios pode variar entre um máximo de 5 e um mínimo de 3, embora o mais comum seja 3. Ver figura nº 1.

Figura nº 1: Perfil genérico de um rolo de segunda operação

Com este desenho em mente, os seguintes são pontos importantes do perfil de um rolo de segunda operação:

Ponto de controle: É onde termina o plano superior inclinado e começa o pequeno arco de entrada de raio. O eixo vertical que passa por ele é tomado como referência para delimitar as diferentes alturas e profundidades do perfil, este eixo é chamado de linha de base, e normalmente é tangente ao calcanhar inferior do rolo. A partir deste ponto, o rolo é ajustado em altura em relação ao lábio do mandril de travamento. A folga que deve existir entre esse ponto e o topo do lábio mandril é de 0,02mm. Ver figura nº 2

Figura nº 2: Ajuste do rolo – mandril

Falas: Um perfil de três raios foi refletido no desenho nº 1, que é o mais comumente usado neste tipo de peças. Destes, o mais decisivo é o central (R2), que tem o valor mais alto e define a silhueta exterior do fechamento.

Medidas: Existem algumas médias que podem permanecer constantes qualquer que seja o perfil do rolo, estes são o ângulo superior e o raio inferior do calcanhar. O resto varia como já dissemos com o tipo de fecho, que por sua vez está ligado às dimensões da flange da tampa e da flange do corpo, assim como às características dos materiais utilizados no recipiente. Cada empresa desenvolve os perfis ideais a utilizar em cada caso, mantendo uma certa discrição na sua divulgação. Isto dá origem a uma multiplicidade de soluções. Selecionamos na tabela seguinte as medidas que a experiência tem mostrado ser boas em cada caso, embora insistamos que existem muitas outras alternativas.

Anuncios

DIMENSÕES DO ROLO PARA A 2ª OPERAÇÃO DE FECHAMENTO
TIPO
FECHANDO
A B R1 H1 L1 R2 H2 L2 R3 H3 L3
OIII 0,55* 2,53 0,33 0,34* 0,17* 3,32 0,88* 2,77* 0,8 2,91* 0,8
OII 0,59 2,94 0,36 0,37 0,18 3,62 0,96 3,03 1,37 3,31 1,37
OI 0,64 3,17 0,39 0,4 0,19 3,9 1,04 3,26 1,27 3,52 1,27
I 0,66* 3,1 0,4 0,41* 0,2* 4,06 1,11* 3,4* 0,8 3,48* 0,8
II 0,69 3,42 0,42 0,43 0,21 4,2 1,12 3,52 1,37 3,8 1,37
III 0,73* 3,44 0,45 0,46* 0,22* 4,5 1,20* 3,77* 0,8 3,82* 0,8
Medidas aproximadas

Os seguintes comentários devem ser feitos sobre este quadro:

– Todas as medidas são arredondadas para o centésimo de milímetro. Portanto, pequenos erros podem ocorrer em um desenho geométrico exato.

– As dimensões marcadas com um asterisco (*) são aproximadas.

– Não são dadas tolerâncias. Estes devem ser o mínimo possível.

Os resultados práticos dos rolos com estes perfis dependem não só da sua configuração geométrica, mas também da qualidade dos materiais utilizados na sua construção, do acabamento superficial, do ajuste da máquina, do desenho da cabeça de fecho, etc.

Voltar para Fechamento Duplo de Latas Mundiais

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Abrir chat